Ekim 7, 2021

inicio de ferias de sonho

ile admin

Ass

inicio de ferias de sonho
Finalmente chegaram aquelas duas semanas de férias que todos nós esperamos o ano inteiro, só queria um pouco de descanso
e alguma praia. Mas mesmo de férias não queria perder o habito de levantar cedo e fazer as minhas corridas matinais, todos os
dias…ou quase.

São 7 e 15 da manhã e eu já estou preparado para ir correr um pouco como é habito.Todos os dias.gosto de correr cedo pois não
está muito calor.
Saio então de casa para o meu percurso habitual aqui perto de casa.
Após meia hora de corridinha reparo que não sou o único a correr, ao longe vejo uma pessoa, mais perto reparo que é uma mulher, não tinha mais de 40 anos de certeza.
Á medida que ela se aproxima vou desvendando melhor toda a sua fisionomia, uma mulher linda, morena,não era magra ,mas para mim
com o peso ideal, com o cabelo apanhado, calças escuras apertadas onde se consegue perceber todas as formas do seu corpo.
Mas uma coisa me salta logo á vista.. os seios dela, eram incrivelmente grandes, ela a correr e tudo abanava ali.
Quanto mais me aproximava mais a minha mente imaginava o que a T-shirt dela escondia.É escusado dizer que o meu pau começou logo a ganhar tesão.
Tive de desviar o olhar para não fazer figura de otário ao passar por ela. Eis que no momento em que nos cruzamos ela esboça
um pequeno sorriso, como quem diz “Bom dia”, e eu, claro retribuo !
Após nos cruzarmos não resisti e olhei para trás… só para ver a visão dela de trás. Para o meu espanto ela faz o mesmo,
desviei logo o olhar para não ser apanhado.
Após mais uns minutos de corrida decidi parar um pouco para descansar, beber um pouco de água e fazer alguns alongamentos.
Paro numa zona onde existe umas barras de exercícios e um pequeno bebedouro, Contudo aquela mulher não me sai da cabeça.
Depois dos alongamentos vou beber um pouco de água para depois voltar para casa.
quando estou então a beber água no bebedouro debruçado, ouço uma voz.
“Bom dia ”
quando olho, caso não consigo reagir, era a tal mulher..
“ola bom dia” respondo eu.
“então isso é tudo sede? ” diz ela ao mesmo tempo que sorri.
“Um pouco sim… quer beber também?” pergunto eu sem saber o que haveria de dizer…
“sim, preciso mesmo de água estou esgotada, vou também parar um pouco aqui para descansar.”
Enquanto ela fala tento não desviar o olhar…. mas os meus olhos só querem olhar para as tetas dela…é difícil mas vou me controlando.
“Ok, força então”
Enquanto ela bebe água. começo apreciar cada parte do corpo dela, tudo nela dá me tesão!
Só imagino o meu pau duro entre aquelas tetas maravilhosas…Não são gigantes, apenas grandes, a medida certa para o meu pau la caber!

“costuma vir para aqui correr?” pergunta ela depois de beber água.
“sim, regularmente, e a senhora? não a costumo ver por aqui.”
“não,é a primeira vez por acaso, moro aqui perto e hoje decidi dar aqui um salto para fazer um pouco de exercício” Diz ela sempre com o sorriso nos lábios.
“ah ok,sim…faz muito bem, o complexo aqui é porreiro, faz se umas belas caminhadas!” eu a tentar dar conversa.
“Pode me ajudar a fazer alguns exercícios? suponho que você tenha mais experiencia do que eu” Diz ela.
“claro, posso ajuda-la”

E começamos então a fazer alguns alongamentos e exercícios mais físicos, ao mesmo tempo tentava conter a minha tesão…até que num exercício mais corpo a corpo não controlo o meu pau…
A minha tesão descontrola-se… fico com ele duro…grosso… dentro dos calções…
Eu que estava por de trás dela ajudá-la, toco lhe com o meu pau no rabo dela…
Não sabia o que fazer ou dizer…mas sei que aquele descontrolo estava-me a saber bem, e ela ou não se tinha apercebido ou então estava a gostar.
Até que ela diz:

“Mmmmm?… isso é o seu pau?”
“…..arg…sim..desculpe mas não me aguentei, ainda para mais nestas posições” digo eu todo envergonhado.
“ah ok,não se preocupe, é normal” diz ela sempre com aquele sorriso de safada.

mais alguns exercícios e o meu pau não normalizava.
uns momentos depois enquanto eu ainda a ajudava, ela diz:

“você tem o seu pênis bem duro” diz ela enquanto eu fico parvo com o que ela diz.
“…..hmmm…sim…”
“não imagina o quanto me esta a saber bem sentir a cabeça dele no meu rabo”
E sem perder tempo mete a mão por dentro dos meus calções…

O meu pau ficou ainda mais duro na mão dela… nem acreditava que aquilo me estava acontecer..

“Mmmmmmmm que caralho tão bom” diz ela trincando o lábio.

Ela baixa me os calções e começa me a bater… parece que me conhecia…sabia bem o jeitinho como eu gosto!
Tocava me tão bem, já só olhava para as tetas dela…não aguento e ponho a minha mão num seio dela…
Impressionante não cabiam nas minhas mãos…e era tudo natural! quanto mais ela me batia mais os mamilos dela ficavam duros, já só as queria ver sem a tshirt e o soutiã…

“Mmmmmm….gostas?…”
“se gosto…”
“elas gostam de ser chupadas…Apertadas…”
Após ela dizer isto, ela dá um passo a trás e começa a tirar a tshirt sempre a olhar para mim…
quando fica só com o soutiã, nem acredito no que vejo, uma par de mamas perfeito com um rego apertadinho. nunca os meus olhos viram nada assim…a minha tesão aumentava.
Ela tira o soutiã e começa a tocar nas tetas dela… tava maravilhado com aquilo que via. ela tocava nelas enquanto eu me tocava.

“Mmmmmm adoro ver te com ele na mão…”
“das me tanta tesão” digo eu já descontrolado
” quero sentir o teu leite, bem aqui nas minhas tetas e na minha boca”

Ela ajoelha-se, põe a língua de fora , e lambe-me o caralho das bolas ate á cabeça. sem perder tempo mete o todo na boca…e começa me a fazer uma mamada!
de vez em quando pára e olha para mim ( a trincar o lábio) e continua a tocar me.

“Mmmmmmm ele sabe tao bem….adoro mamar nele”
“Mmmmm e mamas tão bem…” digo eu enquanto lhe toco nas tetas.

tiro o meu carlho da mao dela, levanto-a, e começo a chupar lhe as tetas..

“Mmmmmmmmmmm….cabrao…tao bom…..chupa-as todinhas”

Desço com a minha mão ate á rata dela…estava cabeludinha, e toda molhada…meto um dedo…dois dedos. Ela geme e aperta me com um pouco mais força.

“o teu caralho deixou me toda molhada”

Sem mais nada ela baixa as calças e diz me:

“Da me com ele…com força por trás..”

Ela encosta-se a uma arvore e debruça-se…ainda com as calças dela pelos pês..

“vem me foder….”

Não acreditava naquilo…mas só lhe queria dar com ele!!
Mal a cabeça do meu pau começa a entrar na rata dela, e geme “Mmmmmmmmmmmm…isso”
Dei lhe com ele durante uns 5 minutos ali…ela não parava de gemer!
Ela estava tao molhada…o que me dava cada vez mais vontade de a foder.
Ela toca se enquanto eu a fodo…até que ela tem um orgasmo…parece que ainda sinto os músculos dela apertar o meu pau.
Ela geme durante alguns segundos…e depois diz:

“vem te para mim…” diz ela enquanto se vira e ajoelha.
Pega no meu pau e começa a tocar-me, enquanto pega nas tetas dela…passando o meu caralho pelos mamilos dela ,grandes e rijos!!
Aperta as mamas dela no meu caralho…nunca tinha sentido nada assim…aquelas tetas tão suaves a deslizar pelo pau enquanto ela olha me nos os olhos…

“Mmmmmm que safada…tão bom ter a minha tesão nas tuas mamas.”
“quero que te venhas nelas”
Começa então a tocar-me com mais força…e com mais vontade”

“dá me o teu leitinho…vá”

“Mmmmmmmm….isso…nao pares..” Digo eu já quase a vir me
o meu pau começa a ficar duro…ainda mais duro… e de repente venho todo para as mamas dela….ela abre a boca para levar com o meu leite também.

“……Mmmmmmmm….” quanto mais ela me batia mais eu me vinha…

Sujeia toda com o leite…da boca ás tetas.
ela lambe-se e espalha todo o meu leite pelas mamas dela…

“MMmmmmm tao bom meu gostoso…sabe tão bem o teu leite…” enquanto diz isto dá uma ultima chupadela no meu caralho que ainda não murchou..!

Ela levanta se e começa a vestir se .

“não queres passar ali por água no bebedouro?” pergunto eu.
“não…quero sentir o cheiro do teu leite ate chegar a casa.

Após nos vestirmos ela pergunta me o meu nome, eu respondo “Ricardo. e tu?” .
“Andreia” diz ela.

“vou indo sim…foi opitimo…meu grosso.” Diz ela apertando o meu pau que murchara entretanto.

e assim partimos nos em caminhos diferente…ainda não acreditando no que se tinha passado na quela manha do meu primeiro dia
de ferias .